.

.
30 de Julho de 1929, jovens velejadoras no porto de Deauville, França (Getty Images)

quinta-feira, 29 de janeiro de 2009

O avesso das coisas

Estou com um livrinho pra lá de bom do Carlos Drummond de Andrade, são aforismos e o título é O Avesso das Coisas, da editora Record. Ele diz, por exemplo, sobre a Amizade: "A amizade é um meio de nos isolarmos da humanidade cultivando algumas pessoas." Ou quando fala da Arte: "A arte vivifica a humanidade e aniquila o artista." Tem muita coisa engraçada, Drummont é ótimo. Pra finalizar, uma sobre o jornal: "pelas notícias de ontem, publicadas hoje, devemos temer o jornal de amanhã."

6 comentários:

Jucielle disse...

o título do post de hoje me fez lembrar do livro "o avesso e o direito", do Camus. Bacanas as citações do Drummond - grande poeta!

inté!

Thiago Domenici disse...

E o livro é bom? Fala do que? Eu nunca li, mas fiquei interessado. Obrigado, inté, Thiago

Jucielle Leal disse...

ei Thiago,

em "o avesso e o direito", Albert Camus trata da condição humana. Ele aborda o tema com os condicionamentos de sua origem. Ele lembra muito da Argélia (país onde nasceu), da miséria e do sol.

segue uma frase dele: "A miséria impediu-me de acreditar que tudo vai bem sob o sol e na história; o sol ensinou-me que a história não é tudo"

bj.

J. C. David disse...

valeu a dica dos dois, e deixo uma dica de um livro bem interessante: O Coronel tem um segredo: Paulo Wright não está em Cuba.

De Delora Jan Wright.

Thiago Domenici disse...

Maravilha, Jucielle. Vou atrás pra ler algumas coisa. E David, qual a editora do livro? Abração, Thiago

J. C. David disse...

editora vozes.

Postar um comentário

Ofensas e a falta de identificação do leitor serão excluídos.

Web Analytics